07 janeiro 2007

Lisboa novamente

Regresso a um destino clássico deste blog: Lisboa.

A grande nem sequera é umha fotografia nova, mas cada vez gosto mais desses fios do tranvia.

Sé, LisboaLisboaCasa Pereira, Lisboa

1 comentário:

J.F. Souza disse...

Estou trocando um poema por sua ajuda, e depositando com isso um voto de esperança. Por favor, para você que mora em Lisboa, ou conhece alguém de lá entre no meu blog (http://www.intellectdeluxes.zip.net) leia meu SOS e nos ajude se souber de algo... Obrigado pela compreenção...

Poema de Esperança
Poema de esperança/
Na pupila de uma criança/
Numa íris de afetos/
Sonho certo/
Numa estrada bela/
Em alguma singela/
Magma magia/
Da poesia/
Que no raiar/
Do dia/
Nasce a esperança novamente/
Simplesmente vivamente!